Luta Contra a Dor

A Dor é um sintoma que acompanha, de forma transversal, a generalidade das situações patológicas que requerem cuidados de saúde.

A Dor Aguda, como a dor pós- operatória ou a dor pós-traumática, é limitada no tempo e existem diversas técnicas farmacológicas que permitem, na maioria dos casos, o seu controlo eficaz. 

O mesmo não sucede com a Dor Crónica como a dor neuropática ou a lombalgia que é, muitas vezes rebelde, permanente e que pode levar a sequelas incapacitantes. No entanto, todos os tipos de Dor, induzem sofrimento evitável frequentemente intolerável e refletindo-se, negativamente na qualidade de vida dos doentes.

A Dor Crónica é a segunda doença com maior prevalência em Portugal, só ultrapassada pela Hipertensão Arterial. 

Afeta 1 em cada 3 portugueses, o que a torna uma das patologias que mais incapacita para o trabalho, para a vida familiar e para o bem-estar global, e por isso, com custos sociais e económicos elevados.

A Dor Crónica é um problema multidimensional, com grande complexidade biológica, psicológica e social, o que obriga ao envolvimento e participação de profissionais de várias especialidades.

O controlo eficaz da Dor é um dever dos profissionais de Saúde, um direito dos doentes que dela padecem e um passo importante para a efetiva humanização dos cuidados de Saúde.


-Dr. Domingos Oliveira-

Luta Contr a Dor